Recentemente, nós ganhamos mais um apoio de peso para a conservação da vida selvagem: o Onçafari Cycling Team! Criado pela dinamarquesa/brasilera Line Østergaard, o time nasce como uma forma de fazer a diferença por meio do ciclismo. O grupo feminino de atletas promete levar o nome do Onçafari e a mensagem da conservação para muitos campeonatos. 

Line Østergaard, idealizadora do Onçafari Cycling Team. (Foto: Arquivo pessoal)

 

COMO TUDO COMEÇOU?

Line Østergaard é dinamarquesa, mas mora no Rio há 6 anos. Ela treinava capoeira quando ainda morava na Europa e sempre teve conexão com o Brasil. Em 2013, veio para o Carnaval do Rio de Janeiro e se apaixonou pela cidade maravilhosa. Então, abriu uma empresa de consultoria de marketing na região e mudou-se de vez.  

Ela começou a pedalar em 2014 como esporte, apenas para manter uma vida saudável. Mas, durante as olimpíadas de 2016, percebeu que sua paixão pelo esporte e dedicação poderiam torná-la uma atleta de verdade. Começou a dedicar-se cada vez mais a sua paixão, e em 2017, 2018 e 2019 foi campeã estadual de ciclismo estrada no Rio!

Após alguns anos inserida neste universo, percebeu que haviam poucas mulheres do ciclismo no Brasil, grande parte por medo ou falta de incentivo. Foi então que decidiu pensar num projeto para estimular a confiança no público feminino e proporcioná-las maior segurança para pedalar e competir na bike. Dessa forma, poderia criar mais oportunidades e passar o gosto pela pedalada para muitas outras mulheres.

O grupo feminino de ciclismo conta com uniforme personalizado. (Foto: Arquivo pessoal)

Line sempre gostou muito de animais, principalmente de vida selvagem. Por coincidência, estava em uma fase na qual sentia falta de propósito maior. Em um evento esportivo, ela conheceu o Marcelo e a Tatiana Ferreira, que são apoiadores do Onçafari há algum tempo e já usavam uniformes com a logo do projeto em suas pedaladas. Graças a eles, Line foi apresentada ao nosso projeto e sentiu que a paixão pelo esporte e pela vida selvagem poderiam se unir em uma incrível iniciativa! 

Marcelo e Tatiana Ferreira com sua equipe de ciclismo, cujo uniforme o Onçafari já estava presente. (Foto: Arquivo pessoal)

A partir dessa ideia, criou a equipe feminina de ciclismo, que recebe o nome do Onçafari, para promover e estimular o ciclismo feminino junto com a conservação da biodiversidade. A proposta visa ampliar os horizontes num futuro próximo, possibilitando a participação de atletas masculinos também.

Trajes e acessórios personalizados com a identidade do Onçafari.

“Pra mim, a onça é muito vista na moda, em estampas, mas eu queria abrir os olhos das pessoas para a causa das onças-pintadas mesmo, para a conservação do animal. Ganhar é legal, estar no pódio é legal, mas pedalar com um propósito é muito melhor!”, afirma Line.

 

MATCH PERFEITO COM O ONÇAFARI

Acreditamos que é preciso levar a mensagem da conservação para fora da bolha conservacionista. É fácil falar de proteção à biodiversidade para quem já entende do assunto, o difícil é carregar essa causa para um mundo novo, como o do esporte. 

Ao atuar pela conservação das onças-pintadas no Brasil, nós apoiamos iniciativas que tenham como princípios tanto o respeito à natureza como a crença em um futuro melhor. É por isso que, ao conhecer uma equipe liderada por Line Østergaard e motivada a fazer a diferença por meio do ciclismo, não hesitamos em disponibilizar nossa marca para a criação do Onçafari Cycling Team. O time é formado por atletas dispostas a pedalar e competir para, por meio de conquistas e visibilidade, motivar mais mulheres a confiarem em si mesmas e na força que têm. Ao compartilhar o mesmo espírito de coragem, velocidade e determinação das onças-pintadas, o Onçafari Cycling Team nasce agora para ganhar seu próprio espaço e divulgar a importância do maior felino das Américas mundo afora.

Quer seguir a jornada do Onçafari Cycling Team e da Line? Sigam eles no Instagram: https://www.instagram.com/oncafaricyclingteam/

https://www.instagram.com/line__ostergaard/

1 comentário

  • Augusto Carvalho disse:

    Desejo todo sucesso, honras e glórias para você e sua equipe, e, que na próxima temporada de ciclismo de Ilha Comprida, possamos ser contemplados com sua equipe aqui.

Envie sua mensagem