Todos os anos, muitos animais vítimas de atropelamentos, tráfico ou de maus tratos são destinados à centros de reabilitação de animais silvestres (CRAS) pelo Brasil. Mas, devido à quantidade excessiva de animais em situação de risco, estes centros acabam superlotados, não conseguindo reabilitar e reintroduzir todos os animais aptos à soltura. 

Um destes centros é o CRAS Mato Grosso do Sul, gerido pelo IMASUL, que em parceria com a Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (FAMEZ – UFMS) recebe e trata milhares de animais todos os anos, destinando uma parte deles para a natureza novamente após recuperados. Porém, devido ao excesso de animais e a alta demanda por novos atendimentos, muitos animais não conseguem ir para recintos maiores e passarem pelo processo de reabilitação

Pensando nisso, nós do Onçafari junto ao Refúgio Ecológico Caiman, firmamos uma parceria com o CRAS MS/IMASUL para reabilitar e reintroduzir mamíferos de pequeno e médio porte de volta à natureza. O processo será realizado no meio do Pantanal, dentro do Refúgio Ecológico Caiman, uma área protegida de ameaças humanas.

Para terminar a construção deste recinto e dar uma nova oportunidade aos diversos animais da fauna pantaneira, precisamos da ajuda de todos! Por isso, iniciamos uma campanha de financiamento coletivo por meio do site onçafari.ajudenos.org

SOBRE O FINANCIAMENTO COLETIVO 

O financiamento coletivo é um novo conceito para a já conhecida “vaquinha”. Consiste em um modelo de financiamento de projetos, no nosso caso ambientais, na qual várias pessoas e até empresas, se juntam para viabilizar uma ideia incrível, que se não fosse por essa ajuda, dificilmente sairia do papel. Em nossa plataforma, essa prática dá a oportunidade para que qualquer pessoa se envolva na conservação de espécies ameaçadas e sinta-se como um Conservacionista.

Foto: Minamar Júnior

COMO VOCÊ PODE AJUDAR? 

O financiamento coletivo oferece a oportunidade para que qualquer pessoa se envolva com a causa, ajudando espécies ameaçadas e viabilizando a concretização de ótimas ideias de conservação. 

O primeiro passo é a DOAÇÃO. Contribuir com um projeto é muito mais do que doar dinheiro para os pesquisadores, é fazer parte desse sonho e torná-lo possível! Para cada doação, uma RECOMPENSA é oferecida em troca, como forma de agradecimento pela colaboração. E por fim, com o término da arrecadação, o valor é destinado para a execução do projeto de CONSERVAÇÃO e acompanhamento dos resultados. 

 

Envie sua mensagem