*Por Fábio Paschoal

Desenvolvido inicialmente para gerenciar fazendas, o sistema GoFarms pode ajudar o Onçafari na conservação. “O uso de tecnologia se torna cada vez mais importante nas grandes empresas. Por que não trazer isso para a conservação? É uma ferramenta que pode melhorar a efetividade do projeto”, diz Mario Haberfeld, fundador do Onçafari.

O GoFarms é um sistema integrado baseado em três pontos: um aplicativo coletor, um aplicativo gestor e uma plataforma web. O app coletor é instalado nos celulares dos trabalhadores. Automaticamente, recursos de geolocalização passam a monitorar a movimentação de cada funcionário dentro da área da fazenda e eles podem registrar dados em forma de texto, foto, vídeo ou áudio pelo aplicativo, mesmo sem conexão com a internet.

Funcionário de fazenda usando o aplicativo GoFarms – Foto: Reprodução do Youtube

Assim que o celular é conectado com a internet, o aplicativo é sincronizado com os servidores da GoFarms e todas as informações coletadas são transmitidas para o Microsoft Azure (um sistema de armazenamento em nuvem) e processadas por meio do servidor SQL Server – Microsoft. Em seguida, a aplicação filtra, organiza e disponibiliza as informações em um painel de análise de dados para o aplicativo gestor e para a plataforma web (site que pode ser acessado pelos gestores a partir do computador).

Assim, todos os registros feitos pelos funcionários através do app coletor ficam disponíveis para o proprietário ou pessoa autorizada que tenha o aplicativo gestor em seu celular ou tenha acesso à plataforma web.

No momento de um avistamento, a equipe do Onçafari poderá usar o GoFarms para coletar dados importantes para pesquisas – Foto: Gustavo Figeroa

No caso do Onçafari, o GoFarms irá funcionar como um organizador de tarefas e coletor de dados para pesquisa. As fotos tiradas pelo aplicativo podem servir para registrar o local e o horário de começo e de término de avistamentos de onças-pintadas e outros animais, facilitando a análise de dados e produção de relatórios. “É uma ferramenta que foi feita para gerenciar fazendas, mas que a gente está testando e adaptando para usar na conservação”, diz Mário.

*Fabio Paschoal é biólogo, jornalista e guia de ecoturismo. Foi editor e repórter de National Geographic Brasil por 5 anos e hoje é produtor de conteúdo do Onçafari e da GreenBond

Envie sua mensagem